Review – Cowboy Bebop

Hoje falaremos sobre o anime Cowboy Bebop, um faroeste futurista, que conta a história de um caçador de recompensas e seu grupo.

O que é Comboy Bebop?

Cowboy Bebop é um anime de 26 episódios lançado em 1998 pela Sunrise e traz a direção do aclamado Shinichiro Watanabe (Samurai Champloo, Animatrix). A história é completamente futurista, passada em 2071 quando a expansão espacial fez com que a polícia não fosse suficiente para capturar os bandidos, voltando então para o velho sistema de recompensas, muito explorado nos westerns dos anos 60. E é aí que está a base para o anime.

Enredo e refêrencias.

Recheado de referências pop e homenagens descaradas, como um dos personagens do primeiro episódio claramente baseado em Antônio Banderas, o próprio episódio foi feito para lembrar bastante o filme A balada do pistoleiro (1995), o anime gira em torno de Jet, Spike, Faye, Ed e o cachorro superdotado Ein (derivado de Einstein) e ao contrário da maioria dos animes, não tem uma história linear explicita, um episódio pode parecer apenas um filler, porém está sempre cheio de informações sobre o passado das personagens, mas isso exige que o espectador preste atenção aos diálogos. Porém, não se deixe levar pelo clima melancólico do anime, ele contém muitas piadas e os personagens são bastante caricatos na maior parte do tempo.

Sem dúvida a história é focada em Spike Spiegel, o caçador de recompensas relaxado e aparentemente preguiçoso que é na verdade um habilidoso mestre das artes marciais (principalmente o Jeet Kune Do, técnica de Bruce Lee) e um especialista em vários tipos de armas. A verdade é que Spike tem um passado negro a esconder, mas que eventualmente retorna para assombrar a todos os tripulantes, que na verdade nem sabem a profundidade da história.

cowboy_bebop_ein_faye_jet_black_spike_spiegel_wallpaper-22003

Personagens.

A falta de linearidade do anime, faz com que a estrela da história seja o grupo e não apenas um personagem. A bela trapaceira Faye Valentine, que hora por outra tenta levar a melhor em cima dos companheiros, também possui um passado que vai sendo revelado pouco a pouco. E, arrisco-me a dizer que um possível interesse mútuo surgiu entre Spike e Faye, sempre de forma bastante velada e sugerida em pequenos diálogos e atitudes de um com o outro.

Um dos personagens mais explorados ao longo do anime é Jet Black. Um ex policial que tem um braço mecânico pois perdeu um em um suposto acidente, que será explicado ao longo da história. Jet é o mais velho do grupo, pelo menos biologicamente (não posso dar spoiler nisso), e age de forma paterna em alguns momentos, dando conselhos e se preocupando com o bem estar do grupo. Não fosse a minha preferência pelo Spike, eu seria fã número um do Jet.

E se existem muitos personagens principais que caem no gosto dos fãs, também não faltam coadjuvantes que cativam em uma cena ou outra de alguns episódios avulsos… Porém, quem rouba a cena muitas vezes é Vicious, o principal vilão da história, ele será odiado em alguns momentos, quase simpatizado em outros… E tem uma língua tão afiada quanto a sua katana. Pois é, em pleno ano 2071 ainda há quem prefira usar espadas. Vicious terá o passado tão explorado quanto os outros personagens, sempre através de conversas, deixando tudo nas entrelinhas.

cowboy_bebop_remastered_05h264-ac3niizk-mkv_snapshot_19-22_2011-06-17_22-59-28

Trilha Sonora.

A trilha sonora, composta por Yoko Kano não deixa a desejar, com bastante músicas instrumentais focadas em Blues e Jazz (Bebop é uma forma de Jazz) mas também grandes obras focadas em uma espécie de pop-rock, sempre bem executada pelo grupo “The Seatbelts”. A questão aqui, é que Cowboy Be pop consegue pontuar as cenas de ação (que são muitas) com baladas aceleradas tanto quanto consegue um apelo emocional com instrumentais mais lentos.

aa6c1d3e1c6c733a2ecfb462ae82827e

Veredicto

Se Tarantino gosta de visitar os gêneros de Western, e não me refiro apenas a Django Livre (2012), Watanabe vai além e busca, também, fazer uma homenagem ao mestre John Woo, que revolucionou o cinema de ação nos anos 80, homenagens e referências a Bruce Lee, que dispensa apresentações. Além de tudo isso, ainda há a exploração de temas filosóficos, como a vida após a morte, vingança, o conceito de realidade.

No fim disso tudo, Cowboy Bepop se firmou como um nome diferente dentro do gênero e fez um sucesso considerável, tanto é que além do anime foi lançado o filme em 2001 que apresenta uma história completamente spin off em relação ao anime, mas que vale a pena conferir.

Tiroteios dentro de igrejas, saltos cinematográficos, sequências de luta de tirar o fôlego, perseguições, batalhas aéreas e filosofia de botequim a cada 5 minutos de conversa… Tudo isso pode ser encontrado em Cowboy Bebop de uma só vez e com uma trilha sonora de dar água na boca, tá esperando o que pra assistir então?

Cowboy Bebop é um anime de 26 episódios. O anime gira em torno de Jet, Spike, Faye, Ed e o cachorro superdotado Ein. Ao contrário da maioria dos animes, não tem uma história linear explicita.

Anúncios